Notícias

Esporte Vôlei Feminino

Decisão mineira

Itambé/Minas e Dentil/Praia Clube decidem o título da Copa Brasil neste sábado

Não foi fácil, mas o Itambé/Minas está garantido na terceira final da Copa Brasil Feminina de Voleibol. E vai ter decisão mineira! Na noite dessa sexta-feira, no Centro de Desenvolvimento do Voleibol, em Saquarema (RJ), o time minastenista encarou o Sesi Vôlei Bauru pela semifinal da competição nacional. Após um duelo equilibrado e com algumas trocas de liderança no placar, o time do técnico Nicola Negro conseguiu vencer a equipe paulista, por 3 sets a 1, e vai brigar pelo segundo título do torneio. As parciais da partida foram 30/28, 14/25, 25/11 e 25/22. A decisão da Copa Brasil será neste sábado (6/2), às 21h30, e o Itambé/Minas, campeão em 2019, vai enfrentar o Dentil/Praia Clube, que superou o Osasco São Cristóvão Saúde, por 3 a 0. A final mineira será transmitida, ao vivo, pelo Sportv2.

O destaque da partida foi a oposto Danielle Cuttino, que marcou 19 vezes. A central Thaisa também se destacou e somou 17 pontos na vitória minastenista.

A levantadora Macrís foi a responsável pela distribuição de bolas e, mais uma vez, chamou a atenção pela precisão nos passes. A minastenista destaca a importância da vitória e revela que o segredo é pensar sempre no próximo adversário. “Na verdade, a gente pensa um passo de cada vez. É importante que a nossa equipe consiga manter essa consistência e seguir o que a gente estuda. Sabíamos que seria uma equipe muito forte e a cada jogo a gente tem que entrar em quadra com muita concentração. Acho que é seguir um passo de cada vez e é isso que está fazendo a gente ir nesse crescimento”, avalia a levantadora minastenista.

Com maestria, Macrís ditou o ritmo do ataque minastenista (Foto x)Com maestria, levantadora Macrís ditou o ritmo do ataque minastenista (Foto: William Lucas/Inovafoto/CBV)
A semifinal
O primeiro set foi marcado pelo equilíbrio. Os dois times mostraram ter estudado bastante o ataque oposto e souberam marcar o adversário. O Itambé/Minas começou a partida melhor e abriu vantagem antes da metade do set (14/10). Depois disso, o Sesi Vôlei Bauru conseguiu encostar no placar e equilibrou o duelo até o fim da primeira parcial. Na reta final, o time minastenista esteve perto de fechar o set (22/19), mas acabou cometendo alguns erros, e o time paulista conseguiu passar à frente no placar pela primeira vez (25/24). A partida ficou tensa e mais equilibrada. Depois de muita disputa e várias trocas de set points, o Itambé/Minas fechou o primeiro set com o bloqueio de Danielle Cuttino: 30/28.

O Sesi Vôlei Bauru voltou melhor para o segundo set e abriu vantagem no início (10/6). O Itambé/Minas tentou marcar o ataque adversário, mas não conseguiu impedir a reação do Bauru, que se manteve à frente o tempo todo e empatou o duelo com boa vantagem: 25/14 (1 a 1).

O terceiro set foi parecido com o segundo, porém, desta vez, para o lado minastenista. O Itambé/Minas impôs um ritmo forte de ataque e dificultou a defesa do Sesi Bauru, que viu as meninas do Itambé/Minas abrirem boa vantagem (16/7). A superioridade do time mineiro foi do início ao fim e a equipe adversária perdeu o controle do set. Com grande volume de jogo, o Itambé/Minas desempatou a partida, após ace de Pri Heldes: 25/11 (2 sets a 1).

No último set, a equipe mineira fez exatamente o que o técnico Nicola Negro pediu. Com muita consistência no setor ofensivo e com bom aproveitamento nos bloqueios, o time minastenista abriu vantagem logo de cara (11/7). O time paulista se acertou na defesa e encostou no placar, mas logo depois o Itambé/Minas voltou a dominar o adversário. Na reta final, o Itambé/Minas abriu vantagem (22/18), mas o time paulista esboçou uma reação e encostou no placar de novo (22/21). Aí, a gigante Thaisa virou uma parede e parou o ataque do Bauru. Após o saque minastenista, Carol Gattaz virou um muro e também segurou o ataque de Tiffany (24/21). Porém, após um ponto de graça para o Sesi Bauru (24/22), com um erro de saque de Thaisa, Tiffany retribuiu, sacou forte na rede e colocou o Itambé/Minas na terceira final da Copa Brasil: 25/22.

Semifinal
5/2 – Itambé/Minas (3 x 1) Sesi Vôlei Bauru - Saquarema (RJ) – (30/28, 14/25, 25/11 e 25/22)
5/2 – Osasco São Cristóvão Saúde (0 x 3) Dentil/Praia Clube - Saquarema (RJ)

Final
6/2 - 21h30 - Itambé/Minas x Dentil/Praia Clube - Saquarema (RJ)

Patrocinador: Itambé
Patrocinador: Melitta
Patrocinador: Axial
Fornecedor de Material Esportivo: Icone

Siga as redes sociais oficiais do Vôlei do Minas:
Facebook:
/mtcvolei
Instagram: @mtcvolei

Fotos: William Lucas/Inovafoto/CBV


Esse site armazena dados (como cookies), o que permite que determinadas funcionalidades (como análises e personalização) funcionem apropriadamente. Clique aqui e saiba mais!