Notícias

Esporte Judô

Nova Chance

Guilherme Schimidt tem nova oportunidade e representa o Minas e o Brasil no Mundial de Budapeste

O judoca minastenista Guilherme Schimidt (81kg) ganhou mais uma oportunidade para provar que tem potencial para representar o Minas e o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O atleta do Minas foi convocado pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ) e vai representar o País no Campeonato Mundial de Budapeste, na Hungria, de 6 a 13 de junho. A competição será a última etapa classificatória para os jogos do Japão, e o minastenista foi chamado às pressas para substituir Daniel Cargnin, que testou positivo para Covid-19 e está em isolamento social, em Porto Alegre (RS). De acordo com a CBJ, o judoca da Sogipa está bem e sendo monitorado. Guilherme entra no tatame no dia 9 de junho.

Guilherme Schimidt representa o Minas e o Brasil de olho em vaga em Tóquio (Foto: Orlando Bento/MTC)Guilherme Schimidt representa o Minas e o Brasil de olho em vaga em Tóquio (Foto: Orlando Bento/MTC)
Guilherme Schimidt tem 20 anos e, atualmente, é o segundo melhor brasileiro no ranking mundial da Federação Internacional de Judô (FIJ). O atleta minastenista está na 41ª posição do ranking geral. Além de Schimidt, Eduardo Yudi, melhor brasileiro e 25º do ranking geral, também disputará o Mundial. A competição da Hungria poderá definir qual dos dois representará o Brasil em Tóquio.

Atual campeão pan-americano sênior dos meio-médios, até 81kg, Guilherme Schimidt encara a oportunidade com muita seriedade e garante que vai lutar forte para conseguir um bom resultado. “Eu estou muito feliz com esta convocação. Era um sonho poder disputar esse Mundial. A briga pela vaga olímpica vai ser boa. Eu e o Yudi estamos bem próximos no ranking, apenas 850 pontos nos separam e se eu fizer uma boa competição, que é o objetivo, posso subir no ranking. Vou lutar muito forte do início ao fim em busca deste objetivo”, ressaltou o atleta do Minas.

Além de Schimidt e de Yudi, outros 16 atletas representam o Brasil na Hungria. As lutas eliminatórias estão previstas para as 8h. Já as disputas de medalhas serão a partir do meio-dia, sempre no horário de Brasília (DF). Os confrontos serão transmitidos, ao vivo, pelo site live.Ijf.org.

Seleção Brasileira de Judô
Feminina
48kg - Gabriela Chibana
52kg - Larissa Pimenta
57kg - Ketelyn Nascimento
63kg - Ketleyn Quadros
63kg - Aléxia Castilhos
70kg - Maria Portela
78kg - Mayra Aguiar
+78kg - Maria Suelen Altheman
+78kg - Beatriz Souza

Masculina
60kg - Eric Takabatake
66kg - Daniel Cargnin
73kg - Eduardo Katsuhiro Barbosa
81kg - Eduardo Yudy Santos
90kg - Rafael Macedo
100kg - Rafael Buzacarini
100kg - Leonardo Gonçalves
+100kg - Rafael Silva "Baby"
+100kg - David Moura

O atleta Guilherme Schimidt conta com o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte por meio do projeto Olímpico de Judô - Minas Tênis Clube, processo nº 58000.009434/2018-92 parceria entre Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania e Minas Tênis Clube.


Patrocinador: Interodonto

Siga as redes sociais oficiais da equipe de judô do Minas:
Facebook: /mtcesporte
Instagram: @mtcesporte


Esse site armazena dados (como cookies), o que permite que determinadas funcionalidades (como análises e personalização) funcionem apropriadamente. Clique aqui e saiba mais!