Notícias

Cultura

Retocando Gil e Caetano

Marco Lobo, Armandinho e Yacoce Simões visitam a obra dos baianos octogenários

No dia 20/8, sábado, ás 20h, o Teatro do Centro Cultural Unimed-BH Minas recebe o show Retocando Gil e Caetano, com Armandinho Macedo, Marco Lobo e Yacoce Simões. O show celebra os 80 anos desses dois ícones da cultura nacional oriundos da Bahia, Gilberto Gil e Caetano Veloso, Árvores sonoras da cultura brasileira, que traduzem encantadamente as raizes e antenas nacionais. Os ingressos custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro ou no site da eventim. A classificação é livre.

Serão três baianos no palco com seus acústicos, elétricos e afetivos, convocando seus instrumentos para tocar e retocar ancestralidade, sons de reverência e referência da própria alma sonora baiana e brasileira. O show une o bandolim de Armandinho Macedo, poeta dos solos geniais, que do choro levou sua sonoridade e execução para a música pop mundial, o piano de Yacoce Simões, baiano erudito e popular, e a percussão do baiano plural, Marco Lobo. Os três em sintonia com outro baiano, produtor cultural João Falcão Neto conceberam juntos o projeto de reverência instrumental Retocando Gil e Caetano, em homenagem aos seus 80 anos.

No repertório do show estão clássicos de Gil e Caetano como “Os Mais Doces Bárbaros” (Caetano), “Palco” (Gil), “Menino Deus” (Caetano) e “A Paz (Gil/João Donato)”, “Sampa” (Caetano), “Eu vim da Bahia” (Gil), entre outros.

Sobre os artistas

Armandinho é filho do lendário Osmar Macêdo, criador do trio elétrico ao lado de Dodô.  No seu currículo está o trabalho com a banda A Cor do Som, conjunto musical da década de 1970.

O pianista, multi-instrumentista, produtor, compositor e maestro Yacoce Simões, entrega para o projeto “Retocando Gil e Caetano” novos arranjos e sonoridades inventivas.

O percussionista, compositor e pesquisador Marco Lobo leva para o palco sua criatividade e musicalidade que extrapolam.

 

Serviço:

Retocando Gil e Caetano com Armandinho Macedo, Yacoce Simões e Marco Lobo

Data: 20 de agosto de 2022, sábado
Horário: 20h
Classificação: livre
Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia), na bilheteria do Teatro ou no site Eventim.
É obrigatório o uso de máscara em locais fechados. 

COMPRE AQUI

Horário de funcionamento da bilheteria: de segunda a sábado, das 13h às 19h. A bilheteria funciona até 30 minutos depois do início do espetáculo. Formas de pagamento: dinheiro e todos os cartões de débito e crédito.

Horário de abertura da plateia para entrada do público: 30 minutos antes do horário da apresentação.

Mais informações: (31) 3516-1360.

Estacionamento com acesso interno: entrada pela rua da Bahia, ao lado do Teatro. Após estacionar o veículo, o usuário chega ao Teatro por elevador interno, com rapidez e segurança.  O Estacionamento fica aberto até meia hora após o fim do espetáculo. 

Siga as redes sociais oficiais da Cultura do Minas:

Facebook/mtccultura
Instagram@mtccultura

 

 


Esse site armazena dados (como cookies), o que permite que determinadas funcionalidades (como análises e personalização) funcionem apropriadamente. Clique aqui e saiba mais!