Notícias

Cultura

Orquestra Jovem Minas

Recital de estreia do grupo apresenta canções do Clube da Esquina com participações de convidados da cena musical belo-horizontina

O Teatro do Centro Cultural Unimed-BH Minas recebe, no dia 23 de dezembro (quinta-feira), às 20h, o concerto da Orquestra Jovem Minas. A apresentação é a estreia do grupo formado pela Associação Cultural ARebeldia, idealizado pela produtora Danusa Carvalho, da Casulo Cultura. O show conta com canções do Clube da Esquina, que celebra seus 50 anos em 2022. No recital, a Orquestra contará com a participação dos convidados Mariana Nunes, Bárbara Barcellos, Júlia Guedes (neta de Beto Guedes) e Marcelo Dai. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados, no dia do espetáculo, na bilheteria do Teatro ou no site Eventim, limitados a um par por CPF. A classificação é livre. É obrigatório o uso de máscara.

A Orquestra Jovem Minas nasceu por meio da oficina da Associação Cultural ARebeldia ministrada pelo maestro Felipe Magalhães e direção musical de base de Tatá Spalla. Selecionados pelo maestro Marcelo Ramos, os 24 músicos do grupo possuem formação em instrumentos de corda e idade entre 18 e 25 anos. Os jovens selecionados receberam formações básicas ao participar de uma residência artística com objetivo de aprimorar as habilidades e técnicas, além de proporcionar a troca de experiências junto a professores, artistas e outros profissionais da área musical.

O recital será o primeiro evento que celebra os 50 anos do Clube da Esquina, movimento musical que surgiu com o lançamento do álbum homônimo em 1972.  Dois expoentes do Clube da Esquina, os irmãos Márcio e Telo Borges, participam do concerto. O primeiro assina o roteiro e fez a seleção do repertório da apresentação e Telo será um dos cantores que vai acompanhar a Orquestra.

As canções e os arranjos que serão apresentadas no espetáculo são dos músicos Rafael Martini, Fred Natalino, Marcelo Ramos e Neto Belotto. A Orquestra Jovem Minas terá o apoio dos músicos Marcus Gabriel, no contrabaixo, João Cândido dos Santos, no violoncelo, Vitor Dutra, no violino, e Cleusa Nébias, nas violas.

Sobre a Orquestra Jovem Minas

Idealizado pela produtora cultural Danusa Carvalho, o grupo foi criado por meio de oficinas de formação com jovens instrumentistas mineiros, no incentivo à popularização da música clássica e brasileira, e na estruturação de uma rede de transferência de aprendizado cultural. O objetivo do grupo é apresentar um repertório de obras que viabilizem a unidade a partir do diálogo entre os gêneros musicais, estimulando a união de elementos da música clássica à contemporânea como rap, funk, música eletrônica, passando pela música popular brasileira, forró, baião, samba e bossa nova. E a partir de compositores conhecidos da música nacional como Heitor Villa-Lobos, Ernesto Nazareth, Pixinguinha, Luiz Gonzaga, Moacir Santos, Clube da Esquina e Tropicália a Orquestra Jovem Minas deseja ampliar a união de estilos, sonoridades, ideias e pessoas.

Serviço:

Orquestra Jovem Minas

Data: 23 de dezembro, quinta-feira
Horário: 20h.
Classificação: livre.
Ingressos: gratuitos, com retirada no dia do show, limitados a um par por CPF.

É obrigatório do uso de máscara dentro do Teatro.

Horário de funcionamento da bilheteria: de segunda a sábado, das 13h às 19h. A bilheteria funciona até 30 minutos depois do início do espetáculo. Formas de pagamento: dinheiro e todos os cartões de débito e crédito.

Horário de abertura da plateia para entrada do público: 30 minutos antes do horário da apresentação.

Mais informações: (31) 3516-1360.

Estacionamento com acesso interno: entrada pela rua da Bahia, ao lado do Teatro. Após estacionar o veículo, o usuário chega ao Teatro por elevador interno, com rapidez e segurança.  O Estacionamento fica aberto até meia hora após o fim do espetáculo. Valores: R$ 12, para sócios, e R$ 24, para não sócios.

Siga as redes sociais oficiais da Cultura do Minas:

Facebook: /mtccultura
Instagram: @mtccultura

 

 

 

 

 


Esse site armazena dados (como cookies), o que permite que determinadas funcionalidades (como análises e personalização) funcionem apropriadamente. Clique aqui e saiba mais!