Notícias

Esporte Basquete

Lá vem tempestade!

Minas Storm inicia montagem do elenco para temporada 2021/22

Revelado no Minas, Gui Santos é uma das promessas do basquete brasileiro (Foto: Divulgação/FIBA)Revelado no Minas, Gui Santos é uma das promessas do basquete brasileiro (Foto: Divulgação/FIBA)

O serviço de meteorologia alerta: tem tempestade se formando no time profissional de basquete do Minas Tênis Clube, que levanta a bandeira basqueteira de Minas Gerais  no Brasil e nas Américas. Seguindo as performances de peso dos últimos anos, a montagem do elenco mantém o alto nível de renovações e contratações para a disputa das competições da temporada 2021/22.

A Diretoria do Minas anuncia a contratação de um importante reforço para a temporada 2021/22: Maique, que disputou a última temporada do NBB pelo Paulistano. As primeiras renovações confirmadas são o ala estadunidense Shaquille Johnson e Gui Santos, ala/armador formado nas categorias de base do Clube. Os alas/pivôs Felipe Queirós e Tiago Dias também seguirão representando o Minas Storm.

Shaquille Johnson 

Shaquille Kamel Anthony Johnson já começa a ganhar o carisma da torcida minastenista. O ala tem 31 anos, 1,96m e é natural de Jacksonville (Flórida - EUA).  Johnson tem passagem pelo basquete uruguaio, atuando no Urunday Universitario e, agora, fará a segunda temporada com a camisa do Minas Storm.

Shaq vestirá a camisa minastenista pela segunda temporada (Foto: Divulgação/LNB)Shaq vestirá a camisa minastenista pela segunda temporada (Foto: Divulgação/LNB)

O atleta vem de grande temporada pelo Clube, com médias de 13,4 pontos; 3,8 rebotes; 3,2 assistências e 14,5 de eficiência. Também foi convocado para o Torneio de 3 Pontos no Jogo das Estrelas 2021 e indicado aos prêmios de estrangeiro e ala do ano no “Melhores do NBB”. Shaq passou a levar o nome de “Johnson Sr” na camisa, apenas como um “apelido” depois de se tornar pai. 

O ala disse que está motivado para representar o Minas Storm. “Estou muito empolgado por estar de volta, pronto para encontrar o time e retornar aos trabalhos. Nós tivemos um bom ano e eu espero ter ainda mais sucesso na próxima temporada”, afirma o jogador.

Gui Santos

Natural de Brasília, o ala/armador é o jovem astro minastenista e está ganhando cada vez mais expressão nas quadras do Novo Basquete Brasil (NBB), além de espaço na Seleção Brasileira. Gui, que vem sendo observado por clubes da tão almejada NBA, teve atuações impecáveis na última temporada e ajudou o Minas Storm com a jovialidade, jogadas esguias e repletas de habilidade e técnica. 

O grande desempenho rendeu ao atleta a convocação para vestir a camisa do Time Novas Estrelas, do Jogo das Estrelas do NBB. Gui Santos ainda se tornou o único atleta da América Latina a ser convocado para o Nike Hoop Summit, além de ter sido um dos indicados aos prêmios de sexto homem do ano, maior evolução e destaque jovem no “Melhores do NBB”. Recentemente, o jovem minastenista também teve o nome inscrito no Draft da NBA de 2021. Com relação aos números, o ala/armador de 18 anos e 2,02m, registrou na temporada 2020/21 médias de 7,8 pontos; 5,2 rebotes; 1,5 assistências e 10,1 de eficiência. 

Felipe Queirós

A mistura de Minas com Bahia dentro da tempestade vem sendo considerada uma das maiores revelações do NBB. O ala/pivô Felipe Queirós é constantemente decisivo em partidas importantes do Minas Storm e tem como a maior marca pessoal, até o momento, 19 pontos contra o Cerrado, em dezembro de 2020. Queirós fará parte do elenco do Minas pela terceira temporada consecutiva e, aos 23 anos, o atleta de 2,02m de altura tem médias de 6,1 pontos; 2,7 rebotes e 5,9 de eficiência.

Tiago Dias

Fazendo jus ao apelido de Clube Celeiro de Ouro, Tiago Dias é cria da casa e vem para movimentar ainda mais a união entre jovialidade e experiência no Minas Storm. O ala/pivô de apenas 19 anos e 2,01m de altura, é natural de Santa Cruz do Sul (RS) e fará parte do elenco da equipe principal.

Raios e trovões de novidade!

Maique

O pivô chega para reforçar o garrafão minastenista e também é reconhecido em quadra pelas “marteladas” ou grandes enterradas que sempre são moralizantes na construção de vitórias ao longo da temporada. Maique é natural de Campos (RJ), tem 27 anos, 2,01m de altura e atuou nas duas últimas temporadas pelo Paulistano, sendo a mais recente com médias de 9,3 pontos; 6,9 rebotes e 13,3 de eficiência.

Fornecedor de Material Esportivo: Icone
Apoio: Forte Banco

Siga as redes sociais oficiais do Basquete do Minas:
Facebook:
 /mtcbasquete
Instagram: @mtcbasquete


Esse site armazena dados (como cookies), o que permite que determinadas funcionalidades (como análises e personalização) funcionem apropriadamente. Clique aqui e saiba mais!